quinta-feira, março 21, 2013

Memorias de infancia



Tenho na memoria um lugar
onde passei a infância
ao findar o ano escolar
eram as ferias e la partia

uma aldeia pequena, rural
onde tudo era cultivado
era um momento especial
comer o que foi semeado

levantar cedo e aproveitar
para semear, ceifar, regar
ao sabor da frescura matinal

depois da refeição final
ia alegre para o adro brincar
até a voz da avó me chamar


3 comentários:

© Piedade Araújo Sol disse...

memórias que o tempo não apaga, em forma de soneto...

gostei!

:)

Secreta disse...

momentos puros de descontracção, que só as crianças sabem sentir...
:)

Sandra Subtil disse...

Estas são as melhores memórias. As mais cheirosas, mais calorosas, que nos enchem a alma.
Beijinho