segunda-feira, janeiro 29, 2007

Tempos estes

by Michael Sulka
Confusos estes tempos
onde tempo e o que falta
faltam tambem momentos
para a natureza escutar

Sentir a gelida neve cair
e o vento saber escutar
a terra na mão sentir
ouvir o silencio do mar

Com a natureza aprender
que todos temos tempo
quando queremos ver
a beleza do momento

Que a vida seja então
tempos de serenidades
momentos de meditação
e feita de vontades

8 comentários:

Ni disse...

Pena...Sim pena, de não puder visitar este blog tantas vezes como aqueles que me apetecia! Estas palavras tão reconfortantes...Estes lindos textos...Poemas...!! Por agora deixo só um beijinho de saudades e prometo não tentar afastar-me mais tempo deste mundo...Continuação de uma boa semana, assim o espero...

manu disse...

Amigo obrigado pela visita
desejo-lhe uma optima semana

Ana S. disse...

Tempos confusos que perdem-se com coisas vãs. Era muito melhor se ouvissemos a voz da natureza para mudarmos de rumo.
Beijos

Secreta disse...

A paz que a natureza me transmite é inexplicável.
Bonito poema.
Beijito.

}}cleopatra{{ disse...

Olá!
É preciso viver alguns anos para se saber apreciar a beleza das coisas e o tempo... será o companheiro ideal para o fazer!

Um poema simples e bem bonito!

Um beijinho soprado

Existe uma estrela no céu que ninguem vê senão eu! disse...

Pois e verdade estamos em tempo Confusos, eu adoro meditar mesmo assim nao tenho tempo..
A vezes a vida e so stress e prioridades apesar que e tudo uma questao de organizaçao...
pois lol
kiss

Sindarin disse...

Olá meu amigo Carlos! Pena sim k de meditação tenha pouco e de rotina mto. Sinto falta da paz de outros tempos. Gostei mto. Deixo um grande beijinho e um bfs

Nylda disse...

Olá Carlos...
Estou Aqui:)
Gosto de ti com todas as diferenças que temos...
Respeito tua visão de mundo, mesmo não sendo a minha...
Fico feliz ao perceber tua alegria...
Preocupo-me, quando sinto que não estás bem...
Estou do teu lado para o que DER e VIER...
Sorrindo...
Chorando...
Concordando ou não...
Seja lá como for...
Saiba que:
TU...
NÃO ESTARÁS SOZINHO!
Jamais estará!
Vim correndo para dizer...
Estou aqui!
Beijos e um sorriso.